FCT: Ensino à distância e teletrabalho na comunidade académica e científica

18/03/2020 19:27

A Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), através da Unidade de Computação Científica Nacional (FCCN), reforçou na semana passada a capacidade dos principais serviços que presta à comunidade académica e científica e que asseguram o ensino a distância e o teletrabalho. A medida tomada tem como objetivo dar resposta ao crescente volume de atividade nestes serviços, derivado sobretudo das medidas de contenção do Covid-19, que obrigou instituições de ensino superior e de investigação a fechar portas temporariamente, aumentando exponencialmente o trabalho a distância na comunidade.

 

As ferramentas disponibilizadas por estes serviços permitem operacionalizar aulas a distância, reuniões de grupo, partilha de informação e teletrabalho, fornecendo um auxílio importante para a manutenção da atividade letiva e de investigação dentro das circunstâncias excecionais que o país atravessa.

 

A utilização de serviços, como o COLIBRI, uma ferramenta disponibilizada para efetuarem aulas e reuniões em teleconferência, registou um aumento bastante significativo nos últimos dias. Geralmente a utilização média do serviço é de 210 reuniões diárias, com 1.990 utilizadores, mas no passado dia 12 de março, num só dia, registaram-se 3.574 reuniões e 58.552 utilizadores.

 

Estes serviços da FCT para apoiar a comunidade académica e científica tornaram-se imprescindíveis neste período imposto pelas medidas de contenção do Covid-19, pelo que segue a lista de todos os serviços acessíveis:

 

COLIBRI – disponibiliza salas de reunião virtuais que permitem a realização de aulas e reuniões a distância. As sessões de videoconferência têm capacidade para até 300 participantes e é possível a partilha de áudio, vídeo, texto, imagens, quadro branco e ecrã. As sessões podem ser gravadas, para registo e disponibilização posterior, através do serviço Educast.

 

VIDEOCAST - permite fazer a transmissão de vídeo em direto para todo o mundo, via Internet, sem anúncios ou interrupções. O conteúdo é partilhado de forma simples, através de uma página web com chat integrado, sendo possível partilhar uma aula ou formação com todos os que tenham acesso ao link de transmissão, com opção de controlo por palavra-chave. O serviço é compatível com os principais browsers de internet e dispositivos móveis, como smartphones e tablets.

 

EDUCAST - permite gravar, editar e publicar vídeos educativos, nomeadamente aulas, formações ou tutoriais. Esta publicação é feita através do upload para um portal pesquisável, que agrega mais de 22 mil vídeos educativos. O Educast permite a edição e publicação, com recurso a software próprio, de forma simplificada, garantindo que os vídeos ficam disponíveis aos alunos em múltiplos formatos: streaming, desktop e mobile.

 

NAU - Sempre a Aprender – é uma plataforma que suporta cursos online para grandes audiências em formato MOOC (Massive Open Online Course). Caso a instituição ative planos de contingência com os seus colaboradores em regime de teletrabalho, é possível dar-lhes a oportunidade de melhorar as suas competências em várias áreas do conhecimento.

 

FILESENDER – é uma plataforma para a partilha segura de ficheiros que são demasiado grandes para ser enviados por email. Tem um limite de envio máximo de 100 GB e foi desenvolvida tendo em conta requisitos específicos da comunidade académica e científica, permitindo, contudo, que qualquer pessoa possa receber os ficheiros.

 

Fonte: https://www.fct.pt/noticias/index.phtml.pt?id=509&/2020/3/FCT_refor%C3%A7a_capacidade_de_servi%C3%A7os_que_asseguram_ensino_a_dist%C3%A2ncia_e_teletrabalho_na_comunidade_acad%C3%A9mica_e_cient%C3%ADfica